Fui rejeitado para uma vaga. O que pode ser?

17/08/2018 - 16:26 / Candidatos /
Fui rejeitado para uma vaga. O que pode ser?

Muitas pessoas acabam sendo rejeitadas em entrevistas de emprego, mesmo que possuam as qualificações. Quando ocorre essa reprovação, os profissionais ficam procurando as justificativas para não serem admitidos e elas podem estar no comportamento dessa pessoa ou então na forma como ela fez o currículo, dentre outros.

Toda a qualificação desejada?

Os recrutadores sempre escrevem quais são as qualificações que o candidato deve ter e isso não engloba somente a escolaridade, mas também cursos extras, traços de personalidade e até mesmo posses: para algumas funções, é requisitado pelas empresas que se tenha carteira de habilitação.
É fundamental que o candidato se encaixe na totalidade das exigências: se ele tiver a CNH, mas tiver nível de Inglês diferente do que é pedido, ele poderá ser rejeitado. Apesar de alguns recrutadores admitirem os candidatos mesmo quando alguma qualificação falta, há outros que têm maior exigência.

Comportamento

Enquanto estão em um processo seletivo, os trabalhadores são analisados com relação a todos os aspectos e o comportamento não é excluído. A análise da personalidade é feita em todos os momentos, principalmente quando se faz dinâmicas; ressalta-se que muitos recrutamentos têm um teste virtual que é utilizado para ilustrar à empresa um pouco das características interpessoais daquela pessoa.
Alguns dois traços de personalidade que fazem com que o candidato seja rejeitado são a soberba e também não conseguir trabalhar em equipe com harmonia. Com isso, aqueles que não são aprovados em recrutamentos devem ficar atentos nas dinâmicas seguintes e demonstrar maior adaptabilidade.

Distância

Uma vez que as empresas pagam o transporte do colaborador, é normal que elas prefiram os que precisam de menos ônibus em cada trajeto, já que isso vai custar menos a elas. Isso é mais notado quando se trata de companhias de médio ou pequeno porte e, nesse caso, deve-se evitar encaminhar o currículo. Se o recrutador realizar a entrevista, pode-se tentar acordar com a companhia que uma parte do transporte é quitada pelo candidato: isso é vantajoso quando o salário é mais alto.

Atraso

As atitudes que o candidato tiver enquanto está no processo seletivo provavelmente se repetirá quando se ele estiver contratado. Desse modo, aqueles que demonstram falta de atenção ou que chegam atrasados, por exemplo, tendem a ser rejeitados.

Higiene

A boa aparência não pode ser esquecida quando o candidato vai para um recrutamento: estar com roupas sujas ou o rosto sem a devida higiene é um ponto negativo. Não se trata, contudo, de utilizar roupas caras ou de beleza: é necessário apenas aparência profissional e de limpeza.

Feedback do recrutador

Diversos candidatos são rejeitados por alguma das justificativas colocadas neste artigo, mas podem existir razões mais específicas e, para o candidato sabê-las, é preciso que o recrutador da empresa conceda o feedback. Se o profissional for rejeitado presencialmente, a justificativa tende a ser imediata; se a resposta do gestor é mandada via e-mail, cabe responder e pedir uma razão para não ser admitido, mas sem aparentar ser uma cobrança.

DICAS
Compartilhar:   

Deixe um comentário




CATEGORIAS

POSTS RECENTES

Generic placeholder image
Mulheres em TI: tendência é de crescimento da presença feminina
O mercado de TI, historicamente, conta com uma mai...
Generic placeholder image
5 tendências de TI no mercado financeiro
Instituições financeiras, em geral,...
Generic placeholder image
Roadsec: maior evento hacker itinerante chega a São Paulo
Mais de 40 edições já realiza...

TAGS